Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
Aline Frazão

Aline Frazão

Música & Festivais | Música

T. M. Joaquim Benite

Sala Principal
Classificação Etária
Maiores de 6 anos
Bilhete Pago
Todas as Idades
2019
jan
19
Realizado

Duração

80 minutos

Promotor

Teatro Municipal Joaquim Benite

Breve Introdução

Cantora, guitarrista e compositora, Aline Frazão (n. 1988) é uma artista cujo trabalho tem sabido cruzar diferentes culturas, fazendo emergir novas sonoridades. A música e as letras das suas canções demonstram-no com clareza pelo menos desde 2011, quando se estreou discograficamente com Clave Bantu (vejam Angola aqui a cantar). Movimento (2013) confirmou-a como uma das mais talentosas vozes da actual música do Mundo, levando-a a realizar uma digressão por África, pela Europa, e atravessando o Atlântico (Negro, bem o sabemos se não esquecermos a História) até ao Brasil, destino de uma diáspora africana manchada de sangue. Afeiçoada a uma memória identitária e dada à partilha da construção criativa, Aline cantou nesse disco a poetisa Alda Lara (1930-1962) e trabalhou com os escritores José Eduardo Agualusa e Ondjaki.

Insular (2015), gravado na pequena ilha escocesa de Jura, teve a participação do guitarrista Pedro Geraldes (dos Linda Martini), da poetisa angolana Ana Paula Tavares, da rapper portuguesa Capicua e do músico e compositor luandense Toty SaMed um disco em que Aline cantou também O homem que queria um barco, baseado no livro de Saramago O conto da ilha desconhecida. No início de 2018, esta talentosa escritora de canções gravou no Rio de Janeiro o seu 4.º disco de originais, Dentro da chuva, no qual uma vez mais couberam grandes nomes confirmados, como o violoncelista Jaques Morelenbaum, ou novos grandes valores, como a cantora baiana Luedji Luna. A Almada, Aline vem mostrar em palco esse novo trabalho, delicadamente mais acústico, feito com açúcar e com afecto.

Transportes Públicos

Metro Sul do Tejo
TST

-
Partilhar

Serviços Adicionais

Veja ainda:

O Quebra-Nozes

Teatro & Arte | Bailado

T. M. Joaquim Benite

Sala Principal

Se isto é um homem

Teatro & Arte | Teatro

T. M. Joaquim Benite

Sala Experimental